Miller - 11/05/2007

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Miller - 11/05/2007

Mensagem por Ricardo em Qui 24 Jan 2008, 6:44 am

Relato enviado por Miller em 11/05/2007

Bom, depois de uma semana de entrevista decidi fazer um relato mais
detalhado de como tudo ocorreu para ajudar ao pessoal que ainda não passou
por isso. Fiquei bastante nervoso e ansioso então nada mais justo do que
ajudar.

Nossa entrevista foi em SP, no hotel Crowne Plaza. O hotel fica perto do
metrô e a uma quadra da Avenida Paulista, isso facilita bastante para quem
vem de fora como foi o nosso caso. Andando por lá, localizamos o hotel que o
pessoal tem indicado para quem pretende hospedar-se a um custo mais baixo, o
nome é San Gabriel (http://www.sangabriel.com.br/). Não ficamos por lá mais
é perto e tenho ouvido o pessoal dizer que possui um excelente custo
benefício. Nós preferimos ficar na casa de um amigo que nos hospedou muito
bem. Toda essa região é bem tranqüila e não tivemos nenhum problema,
inclusive conhecemos muitos lugares andando por essas bandas.

Antes de falar da entrevista propriamente dita, é bom falar da preparação.
Nessa fase preliminar procurei imaginar qual a expectativa do governo do
Quebec em relação a um candidato a imigrante.

Minhas considerações PESSOAIS são:

1- Estar por dentro do mercado de trabalho para a sua profissão (claro que
na medida do possível (do possível e não do fácil))

2- Nível de francês razoável

3- Informações gerais sobre a cidade que pretende morar.

4- Motivações pessoais

5- Documentos originais (é bem básico, mais podem ter certeza que ele checa
as informações para comprovar que são verdadeiras)

Para a entrevista seguindo esse raciocínio levei:

1- Um documento falando sobre o mercado para a minha profissão no Canadá
(Documento oficial, mostrando situação favorável)

1- 10 ofertas de emprego (em todas essas ofertas pude provar que tenho
qualificações para ocupar o posto)

1- Currículo em Francês (novamente para provar que posso ocupar os postos de
trabalho)

1- Certificado dos cursos profissionais (pelo mesmo motivo)

1- Lista de agencias de emprego da cidade

1- Médias salariais para sua profissão

2- Levantamento básico de algumas palavras técnicas de sua profissão em
francês

3- Anúncios de imóveis para alugar na cidade (mostrando preços, tamanho,
etc)

3- Mapa da cidade (Pode-se comprar pela internet através de cartão de
crédito http://www.mapart.com/)

3- Endereços do curso de francês do governo na cidade escolhida

3- Informações sobre quais os documentos básicos canadenses e onde tirar-los
(isso você pode conseguir em sites oficiais)

3- Algumas informações turísticas

3- Informações genéricas sobre a cidade (número de habitantes,
universidades, esportes, etc)

4- Foto de pessoas conhecidas no Canadá (não precisam ser amigas, você pode
citar por exemplo que conhece através da internet e que é ajudado pela
pessoa. Sem transferir responsabilidade ao seu conhecido)

4- Algumas informações sobre alguma empresa referência que você queria
trabalhar

4- Informação sobre algum esporte ou hobie que você goste na cidade
escolhida

5- Documentos, diplomas, certificado do curso de francês, etc.

Bom, obviamente essa foi uma visão pessoal, não aconselho nem incentivo
ninguém a seguir minhas dicas, porém acho que qualquer preparação é valida,
afinal o objetivo é imigrar e não finjir que você pode fazê-lo. Como
inevitavelmente iria pesquisar sobre algumas dessas coisas decidi levar as
informações para a entrevista.

Nossa entrevista estava marcada para as 15:30 e por conta do nervosismo,
cheguei as 14:30. Não seguimos as dicas de ficar fazendo hora e fomos logo
subindo para o local informado pela recepcionista do hotel. A sala onde tudo
ocorre fica no mesmo corredor dos quartos, ela tem porta de madeira e
ornamento de vidros de um lado e de outro. Dentro da sala, com decoração
"classica" existe uma mesa de reunião para 8 pessoas (ou seriam 6?) e o Mr
LeBlanc fica lá sozinho, com um notebook na mesa e uma impressora portátil
ao lado.

Assim que chegamos não tinha ninguém nas 2 cadeiras que ficam do lado de
fora (no corredor mesmo) e a porta da sala estava aberta. Cumprimentamos e
ele nos perguntou se éramos o casal marcado para as 14:30. Informamos que
não, e então perguntou se gostariamos de adiantar.

-Claro. Nesse momento chegou o casal que havíamos conhecido em salvador em
um encontro que participamos.

Tivemos que esperar a entrevista deles que durou 1 hora de meia, isso me
deixou muito apreensivo. Quando chegou a nossa vez pediu para que
sentássemos e falou uma frase "bem bacana" que não entendemos nada. Ele saiu
da sala para entregar algum documento para o casal anterior e voltou super
simpático para começar a entrevista. Foi ai que percebi que havia nos
demandado nossas identificações e passaporte. Smile

Entregamos as identificações e ele prosseguiu solicitando nossos documentos
(carteiras de trabalho, diplomas, etc.). Nessa etapa tive dificuldade quando
me foi solicitado o contra-cheque, pois ainda estava sobre o domínio do
nervosismo.

Minha esposa me ajudou bastante, ela estava muito tranqüila e o tempo todo
manteve a calma e foi entregando os documentos. Isso é outra coisa
importante para se comentar! Leve tudo muito bem organizado! Optamos por uma
pasta classificadora e separamos tudo por temas (acho que isso é pessoal,
cada um segue uma lógica que facilite mais a vida).

O fato é: foi a partir daí que colocamos em prática nossa estratégia.
Começamos a mostrar nossa pesquisa, primeiro sobre trabalho aproveitando a
deixa da solicitação dos comprovantes de experiência e passamos a "ditar" o
assunto da entrevista. Como todos os outros relatos mostram, ele realmente
dá muita ênfase a questão profissional, esteja preparado para satisfazer a
pergunta que ele deve se fazer mentalmente: "Como essa pessoa se encaixará
no mercado de trabalho do Quebec?". No meu caso provei através das ofertas
de emprego, mostrando os requisitos exigidos e comparando com minhas
qualificações, porém para os que possuem profissão regulamentada eu
aconselharia a pensar em uma boa estratégia.

Mas lembre se de montar isso de forma real, mesmo que você aperfeiçoe
posteriormente, não aconselharia a ninguém criar informações e planos para
impressionar ninguém, o imigrante é você!

Pelo que tenho conversado com o pessoal nessa situação, pensaria em
trabalhar na área de formação mais com funções não controladas, e pensar em
um curso profissionalizante ou mesmo validar seus estudos nesse período.

Outra dica que queria deixar é: Tenha suas datas disponíveis de forma fácil.
Principalmente para os que irão comprovar sua experiência profissional com
várias datas, ele vai conferir uma a uma (não foi o nosso caso, pois estou
empregado a 6 anos na mesma empresa)

Sobre o francês acho difícil passar qualquer tipo de dica, afinal à
entrevista se passou de uma forma muito descontraída, com uma linguagem
fácil (nós temos 200 horas com professor particular) e apesar de algumas
poucas palavras não terem sido entendidas ele me classificou como fluente e
elogiou meu vocabulário (criei um mini dicionário de palavras técnicas de
minha profissão). Minha esposa foi classificada como não fluente mais ganhou
um grande elogio pelo sotaque. Nós estudamos a lista de perguntas que a
tanto é utilizada (achei bastante importante) porém se pudesse dar um
conselho falaria para qualquer um fazer aulas particulares. Afinal a
entrevista é uma conversa, e esse desbloqueio verbal vem com treinamento. O
Mr Leblanc também expressou essa mesma opinião.

Depois desse texto tão longo queria dizer que nem tudo que levei tive a
oportunidade de mostrar, porém fez com que fossemos mais preparados e
acredito que de alguma forma me ajudou. Todas as informações que levei foram
levantadas para imigrar, acho que esse é "o espírito" da coisa. Li há um
tempo o que o Jefferson postou por aqui: "O mais difícil é quando se está
lá". E é isso que penso todos os dias, quanto mais informações poder obter
daqui do Brasil, no conforto da minha estabilidade melhor. Apesar da rodada
de entrevistas estar no final espero que esse depoimento seja útil de alguma
forma.

Miller

Ricardo
Admin
Admin

Número de Mensagens : 51
Idade : 37
Data de inscrição : 03/01/2008

Ver perfil do usuário http://canadaimmigration.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum